Rafinha fica livre no mercado; financeiro pode vetar retorno ao Flamengo
Rafinha fica livre no mercado; financeiro pode vetar retorno ao Flamengo
Publicidade

Nesta terça-feira (02), o clube grego anunciou a rescisão de vínculo com Rafinha. Em menos de um ano de contrato, o lateral deixa o time europeu.

A partir de hoje, portanto, o jogador está livre para assinar com equipes interessadas e volta a ser cogitado pelo Flamengo, onde teve participação importante na temporada de 2019.

Publicidade

Leia a nota completa do Olympiacos sobre o atleta:

“O grande brasileiro é um dos mais importantes jogadores de futebol que disputou o Campeonato Grego. Com sua paixão, habilidade e profissionalismo, ele deu o exemplo para todos. Sempre pertencerá à família Olympiacos . A porta da Associação estará sempre aberta para Rafinias assim como o coração de nossos fãs estará sempre aberto para ele! Superhero Rafinia obrigado por tudo! Boa sorte”

Vestindo o Manto Sagrado, Rafinha conquistou cinco títulos: Campeonato Brasileiro (2019), Copa Libertadores (2019), Supercopa (2020), Recopa (2020) e Campeonato Carioca (2020).

Após sua saída para rumar ao clube da Grécia, Rafinha foi substituído por Maurício Isla. Como o chileno é mais novo e é bem visto pela diretoria do Fla, seria pouco provável que ele perdesse sua posição de titular para repatriar Rafinha. Outro ponto importante é a questão financeira.

Mesmo que o camisa 44 tenha vindo por disponibilidade, o jogador foi um investimento mais caro que seu antecessor na posição, e o valor para manter Rafinha já não era baixo. Portanto, a probabilidade de o rubro-negro contratar novamente seu ex-jogador é pequena, visto que o clube teve um lucro inferior ao esperado em 2020.

Com pouca possibilidade de ter o retorno do lateral no grupo, o Flamengo enfrentará o Vasco nesta quinta-feira (04), pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida ocorrerá às 21h (horário de Brasília) e a exibição do clássico será garantida pelo canal Premiere, a partir das 20h50.

Publicidade