“Não dá nem para comparar o elenco de Inter e Flamengo”, diz Rizek
“Não dá nem para comparar o elenco de Inter e Flamengo”, diz Rizek
Publicidade

Átbitro Wilton Pereira Sampaio em Internacional x Flamengo – Foto: Divulgação

UOL: O Internacional ficou no empate por 0 a 0 com o Athletico-PR na noite de ontem. Com a vitória do Flamengo sobre o Vasco, a distância para o líder Internacional caiu para apenas dois pontos. Agora, o Flamengo depende apenas de si para conquistar o título do Brasileirão, já que a equipe rubro-negra tem um confronto direto contra o colorado na reta final da competição.

Publicidade

Comentarista do Grupo Globo, Paulo Vinicius Coelho afirmou na edição de hoje do ‘Seleção Sportv’ que o tropeço do Internacional era um cenário esperado.

“O Internacional não queria chegar no confronto direto contra o Flamengo com apenas dois pontos de vantagem. O ideal seria manter os quatro pontos que tinha até ontem. Mas isso era quase impossível acontecer. O Inter já estava no recorde de nove vitórias consecutivas. Para que isso acontecesse, teria que vencer mais dois jogos até pegar o Flamengo com essa vantagem. Agora esse jogo fica com cara de decisão de campeonato. Mas tenho certeza que o Internacional não queria chegar ao Maracanã com essa necessidade de vitória”, disse o comentarista.

Apesar do empate contra o Athletico-PR, o Internacional manteve a sequência de dez jogos de invencibilidade no Brasileirão. Segundo o apresentador André Rizek, a boa fase do Inter se deve pelo desempenho destacado de Edenílson.

“Um dos grandes destaques do Inter é o Edenílson. Como esse jogador evoluiu desde que chegou ao Corinthians. É um outro jogador no Internacional. Acho ele um dos grandes nomes deste campeonato, e se ele ganhar como craque do Brasileirão, ninguém vai achar um absurdo. Eu vejo o Edenílson como mais jogador do que o Diego do Flamengo”, disse Rizek.

Para o apresentador do ‘Seleção Sportv’, ainda que o Flamengo tenha se encontrado na reta final da competição, o desempenho da equipe carioca deixa a desejar.

“O Flamengo fez um campeonato muito abaixo do esperado. Embora o time tenha encaixado nas últimas rodadas, estar dois pontos atrás do Inter faltando quatro rodadas para o fim é muito demérito do Flamengo. Não dá nem para comparar o elenco de Inter e Flamengo”, completou.

O Flamengo volta a campo no próximo domingo e encara o Red Bull Bragantino, às 20h30, em Bragança Paulista. O líder Internacional joga apenas na próxima quarta-feira ao receber o Sport, no Beira-Rio.

Publicidade