Mário Marra diz que Rogério Ceni errou ao tirar Michael: “Foi por ali que o Fluminense começou a criar”
Mário Marra diz que Rogério Ceni errou ao tirar Michael: “Foi por ali que o Fluminense começou a criar”
Publicidade

DIÁRIO DO FLA: Michael foi o principal atleta Rubro-Negro no clássico. O atacante é sempre muito esforçado, dedicado e conseguiu fazer uma boa partida contra o Fluminense. Foi quem mais buscou as jogadas, ajudou na marcação, na recomposição, até salvou um gol do time das Laranjeiras. Com isso, recebeu a maior nota pelo site de estatísticas ‘Sofascore’ e elogiado pelo comentarista da ESPN, Mário Marra.

“Quando o Michael foi substituído, foi por ali que o Fluminense começou a criar mais chances de gol. Exatamente no espaço que ele voltava, fechava. Até um gol ele salvou com um voleio dentro da área. Ele é um jogador que eu tenho criticado muito, que erra na tomada de decisão, na hora de bater pro gol, mas a partida dele ontem como um marcador fiel na linha de lado, era uma partida muito boa, pra mim ele era o principal jogador da partida. Quando ele sai, é exatamente por ali que o Roger ganhou o jogo. Foi muito equivocada a substituição”, disse Marra.

Publicidade

No clássico, o atacante teve dois passes decisivos, 100% de aproveitamento em lançamentos, dribles e duelos aéreos, uma grande chance criada e sete de 10 duelos ganhos contra a marcação, totalizando nota de 7,3.

Em junho, o Flamengo recebeu uma proposta do Al-Ain dos Emirados Árabes pelo atleta. Os dirigentes do Mais Querido gostaram da proposta que tem os valores mantidos em sigilo. O Fla possui a maior parte dos direitos referente ao jogador. São 80% adquiridos pelo Mais Querido. Enquanto os outros 20% estão divididos entre Michael e o Goiás.

Publicidade