Galhardo, do Inter, responde provocação de Gabigol, do Flamengo
Galhardo, do Inter, responde provocação de Gabigol, do Flamengo
Publicidade

Arrascaeta, Bruno Henrique, Pedro e Gabigol comemorando gol marcado Pelo Flamengo contra o Internacional (Foto: Alexandre Vidal e Marcelo Cortes/Flamengo)

O Brasileirão 2020 acabou, mas as provocações entre jogadores de Flamengo e Internacional continuam fora das quatro linhas. Neste domingo, depois de participar do Reis e Rainhas do Drible, evento do Verão Espetacular, Thiago Galhardo falou sobre a provocação de Gabigol, Willian Arão e Thiago Maia após a conquista do título nacional pelo Rubro-Negro na última quinta-feira.

Publicidade

— Foi uma situação triste que vivemos, vestiário triste, o título escapou das nossas mãos. Fico muito feliz por ter sido lembrado por essa provocação porque se eu ganho o título brasileiro, pela importância, eu não me preocuparia com ninguém. Fiquei até espantado porque não foi nada direcionado (ao Flamengo). Era uma provocação de rivalidade local. Futebol tá muito chato, existem as provocações e a gente tem que viver mais isso. Obrigado por terem lembrado de mim num dia tão especial pra vocês – disse o atacante do Inter, que terminou com a vice-artilharia do Brasileirão, ao lado de Marinho, do Santos, com 17 gols cada. Os artilheiros foram Luciano, do São Paulo, e Claudinho, do Bragantino, com 18 cada.

Entenda a treta

Na noite de quinta, na comemoração pelo bicampeonato do Flamengo, Gabigol apareceu em uma transmissão ao vivo do perfil de Willian Arão em uma rede social e zoou o jogador do Inter, vice-campeão brasileiro.

— Seu Galhardo, seu moleque! ‘Cê’ tem que respeitar, garoto. Olha aqui pra você, ó. Cheira aqui, garoto (mostra a medalha). Seu moleque! Não foi campeão e não foi artilheiro.

No primeiro turno, Thiago Galhardo fez um dos gols do Inter no empate com o Flamengo no Beira-Rio. Já no fim do mês passado, depois da vitória do Inter no clássico contra o Grêmio, ele apareceu numa live comemorando e brincando com os dedos no nariz, o que muitos torcedores do Flamengo interpretaram como alusão ao “cheirinho”.

Em outra live, dessa vez em seu próprio perfil, Gabigol voltou a falar sobre Galhardo.

— Thiago Galhardo, Thiago Galhardo… Ele meteu o cheirinho pra nós. O que que Thiago Galhardo ganhou? Não ganhou nada!

Retirado de: Globo Esporte

Publicidade