Gabigol volta a sair irritado com substituição; “Criancice”, diz Rogério Ceni
Gabigol volta a sair irritado com substituição; “Criancice”, diz Rogério Ceni
Publicidade

GLOBO ESPORTE: Depois do jogo, o técnico do Flamengo, Rogério Ceni, foi questionado sobre a reação de Gabigol, mais uma vez substituído. O atacante chutou copo de água, não olhou para Ceni e esbravejou acintosamente, mais uma vez. Diego se meteu na frente, aplaudindo o jogador, mas Ceni disse ao ver a reação do jogador:

Publicidade

– É criancice, é criancice – comentou o treinador, sem olhar para o atacante.

O atacante gesticulou e questionou mais uma saída de campo antes do fim do jogo, mas se aquietou. No fim da partida, desceu ao vestiário antes dos companheiros, enquanto Ceni cumprimentava todos.

– Nenhum jogador gosta de ser substituído. Eu vejo por outro lado. Esses dias me perguntaram o número de gols que o Flamengo perdeu, eu vi o número de chances que o Flamengo teve. Sem problema nenhum, conheço bem o jeito do Gabriel, não há problema – apaziguou Ceni.

No lado perdedor, Vanderlei Luxemburgo parece cada dia com menos paciência para Talles Magno. O atacante, que perdeu a vaga no clássico para Gabriel Pec, entrou durante o segundo tempo e tentou, sem sucesso, jogadas pela esquerda. Num dos lances, Luxa não quis nem saber:

– Foi falta, p…. nenhuma. Toca a p…. da bola! – gritou o treinador vascaíno, que antes já reclamara também com o ex-goleiro Carlos Germano, hoje preparador, no gol de Bruno Henrique:

– Essa bola é dele, c….!

Publicidade