Fluminense se recusou a dividir avião com o Flamengo para São Paulo
Fluminense se recusou a dividir avião com o Flamengo para São Paulo
Publicidade

COLUNA DO FLA: Desde o início da pandemia do novo coronavírus, as diretorias de Flamengo e Fluminense estão em pé de guerra. Entre as questões de retorno do futebol, protocolos contra a Covid-19 e mando do Maracanã, o clássico tem sempre ganhado um ar quente nos bastidores. Assim, as equipes voltaram a protagonizar um episódio de desconforto, visto que os dirigentes do Mais Querido ofereceram para dividir uma aeronave para São Paulo, mas o Tricolor recusou.

Vale destacar que, por conta dos protocolos da Conmebol que tiraram o Maracanã da dupla, o clássico teve que se realocado para a Neo Química Arena, estádio do Corinthians. Dessa forma, ambas equipes tiveram de ir para São Paulo e foi aí que o atrito começou. A divisão na aeronave é algo bastante comum no futebol e os times se dividem entre esquerda e direita. Contudo, a diretoria do Fluminense provou mais uma vez o atrito, já que, como mencionado, recusou o convite. A informação é do canal ‘Paparazzo Rubro-Negro’.

Publicidade

CONFIRA OS PRÓXIMOS TRÊS JOGOS DO FLAMENGO: Flamengo x Fluminense – 04/07 (NeoQuímica Arena) Atlético-MG x Flamengo – 07/07 (Mineirão) Flamengo x Chapecoense – 11/07 (Maracanã)

Além dos empecilhos internos, o Flamengo tem uma extensa lista de desfalques para o clássico deste domingo (04). Gabigol e Everton Ribeiro seguem na disputa da Copa América, visto que se classificaram para as semifinais. No entanto, Piris da Motta, Isla e De Arrascaeta foram eliminados e só retornam na próxima rodada. Além deles, Diego Ribas sofreu lesões no joelho e tornozelo, e ainda não possui tempo de recuperação estimado.

A fim de manter a boa fase e vencer o Fla-Flu 434, o Mais Querido já está em São Paulo, onde encerrou o plano de preparação para o clássico. Flamengo e Fluminense se enfrentam neste domingo (04), às 16h (horário de Brasília), na Neo Química Arena.

Publicidade