Marcos Braz é convidado para ser VP de Futebol pela Oposição de Landim
Marcos Braz é convidado para ser VP de Futebol pela Oposição de Landim
Publicidade

O casamento entre Renato Gaúcho e Flamengo terminou antes do previsto e com muito ressentimento da torcida. Após duas quedas em eliminatórias e ter ficado para trás no Campeonato Brasileiro, o técnico não suportou o baque e se despediu da equipe nesta semana.

Sob o comando de Maurício Souza até o fim da temporada, o Mais Querido se movimenta nos bastidores para conseguir um novo treinador para o próximo ano. A ideia do clube é de não tomar nenhuma decisão precipitada e avaliar bem suas opções antes de fechar contrato com algum técnico.

Publicidade

E as considerações vão para além da escolha por um novo nome. A direção rubro-negra analisou seu poderio financeiro e chegou à conclusão de que poderá gastar entre 4 e 5 milhões de euros na contratação de um técnico.

O valor é considerado elevado para o cenário sul-americano, mas ainda é um pouco tímido em vista do que é pago por clubes da Europa. Oferecido ao Fla recentemente, Ernesto Valverde, por exemplo, recebia cerca de 19 milhões de euros para comandar o Barcelona.

Cabe destacar que a intenção do Flamengo é de contratar um técnico do exterior. Portanto, é importante se ater aos padrões adotados no Velho Continente para entender a realidade do clube na busca por um novo comandante.

Retirado de: Gávea News

Publicidade