Em ‘estreia’ de Rodrigo Caio, Flamengo pega o Vélez em novo teste para defesa
Em ‘estreia’ de Rodrigo Caio, Flamengo pega o Vélez em novo teste para defesa
Publicidade

Os nove gols sofridos em cinco jogos da Libertadores até aqui tem algo em comum para o Flamengo. Em nenhum deles Rodrigo Caio estava em campo. Hoje, diante do Vélez, às 21h, o melhor zagueiro do elenco fará sua estreia na competição em 2021. Ele foi poupado diante da LDU. Só agora alcança então a marca de 100 jogos pela equipe rubro-negra. Após um perído afastado por problemas físicos, o jogador tenta engatar nova sequência para ajudar a ajustar o sistema defensivo. São apenas cinco jogos em 2021.

Já classificado para as oitavas de final, o Flamengo precisa apenas de um empate no Maracanã para assegurar o primeiro lugar no grupo. E não levar gols será imprescindível e inédito na atual edição do torneio sul-americano. Mas a presença de Rodrigo Caio é um selo de segurança. Com o camisa 3 em campo, o Flamengo foi derrotado 13 vezes, nenhuma nesta temporada. São 65 vitórias e 21 empates. Em 34 das 99 partidas em Rodrigo atuou, o time não levou gol.

Publicidade

“Precisamos entrar com foco para assegurarmos a primeira colocação do grupo”, avisou o zagueiro.

A falta de concentração é a principal razão para os gols sofridos pela equipe em jogos da Libertadores. Ou por erros individuais ou coletivos, as falhas têm levado o Flamengo a buscar o resultado até o fim das partidas. O que desgasta a equipe.

Desta forma, o técnico Rogério Ceni tem tudo para preservar alguns jogadores mais uma vez. Com Bruno Henrique e Willian Arão suspensos, Rodrigo Caio deve ter a companhia de Bruno Viana na zaga. E no ataque, Gabigol formaria dupla acom Pedro.

Há chance também de Ceni poupar Arrasceta e Diego Ribas, este último com dois cartões amarelos e sob risco de suspensão para as oitavas de final da Libertadores.

Ontem, o goleiro Diego Alves participou do treino de forma integral e se mostrou recuperado de uma fibrose, problema que também afastou Rodrigo Caio. Com isso, Ceni pode usar o jogo contra o Vélez para dar ritmo ao camisa um, ou preservá-lo para mais treinamentos com o elenco de olho na estreia do Brasileiro, no domingo, contra o Palmeiras. Desta forma, o jovem Gabriel Batista seria mantido como titular, e Hugo Souza opção no banco de reservas.

Retirado de: Extra

Publicidade