Conflito interno na Record barra transmissão de jogo do Flamengo
Conflito interno na Record barra transmissão de jogo do Flamengo
Publicidade

Logomarca da Record TV (Foto: Reprodução)

Mesmo tendo dobrado sua audiência na última terça-feira (02), a Record passou por problemas na transmissão da partida entre Flamengo e Nova Iguaçu. De acordo com o divulgado pelo TV Pop, a emissora teve de cobrar as praças regionais, de outros estados, para exibirem o duelo. A situação deixou a torcida perplexa, uma vez a as concorrentes, SBT e Globo, não passam por esta situação.

Publicidade

Algumas das afiliadas da mesma chegaram até anunciar o jogo na televisão e em suas redes sociais, porém, quando foram surpreendidas pela emissora, desistiram de transmitir a partida. Dentre as desistências estão: TV Tropical (Rio Grande do Norte), TV Cidade (Maranhão) e TV Sucesso (Goiás).

Uma delas precisou acalmar os torcedores rubro-negros, que no lugar do confronto, se depararam com a novela Topíssima. No total, somente 26 associadas da rede decidiram pagar o valor requisitado pela Record Rio.

Ainda sim, a emissora chegou a bater 14,2 pontos de média no Ibope, com picos de 16 pontos no estado do Rio de Janeiro. Na semana passada, com Gênesis, Topíssima e Cine Record Especial, ela registou 6,5 pontos de média nesta faixa horária. A transmissão da partida, desta forma, representa uma alta de 118,5%.

Neste contexto, o Flamengo já se prepara para seu próximo compromisso. A partida contra o Macaé ocorrerá neste sábado (06), às 18h (horário de Brasília). Este próximo jogo não será transmitido pela Record e poderá ser assistido apenas pelas plataformas de streaming.

Publicidade