Bruno Spindel rebate críticas ao DM do Flamengo: “Hoje, temos apenas dois jogadores lesionados”
Bruno Spindel rebate críticas ao DM do Flamengo: “Hoje, temos apenas dois jogadores lesionados”
Publicidade

DIÁRIO DO FLA: Depois de ser anunciado no último sábado, o zagueiro David Luiz foi apresentado na tarde desta segunda-feira pelo Flamengo. Após o defensor, o dirigente Bruno Spindel respondeu perguntas da imprensa. Entre diversos assuntos, o dirigente falou sobre o número alto de lesões no Flamengo.

”A narrativa não cabe Temos hoje, dois jogadores lesionados: Filipe Luís e Arrascaeta. Se eu não me engano, nos últimos 13 jogos, o Flamengo tem 11 vitórias, um empate e uma derrota. Com muitos gols feitos no segundo tempo e no final do jogo, viramos uma série de partidas. Então, acho que essa é a maior prova da qualidade do trabalho do Departamento Médico, o próprio Renato elogiou eles depois de uma partida. Eu acho que o resultado em campo é a maior prova da qualidade do Departamento Médico do Flamengo”, disse.

Publicidade

Sucesso em contratações mesmo sem recurso financeiro

”Trouxemos vários jogadores sem recursos financeiros. O futebol deu uma contribuição importante para vencer os efeitos financeiros da pandemia. Então a gente vai fechar o ano com receita de transferência de atletas com mais de 100 milhões de reais do que estava orçado, ano passado e 2019 também foram números muito relevantes. O Flamengo tem feito de maneira recorrente mais receita de transferência do que investido na compra de atletas. Então tem tido um superávit nesse número, o que tem ajudado na questão financeira na pandemia. Eu acho que o que reflete a qualidade do trabalho é essa busca incessante pela vitória. O resultado em campo traduz tudo isso”.

Exercer compra de Bruno Viana mesmo com a chegada de David Luiz

”Estamos muito feliz com a chegada do David Luiz, vamos focar em todos os títulos. Estamos muito feliz com o Bruno Viana, tem feito grandes jogos. A qualidade de todos os zagueiros é importante, o próprio David falou isso. Então acho que esse grupo é muito forte, o que vamos fazer em janeiro (comprar ou não Bruno Viana) vamos planejar mais para frente, não cabe pensar nisso agora. Não tem nada a ver a chegada do David o que vai acontecer no futuro do Bruno”, completou Bruno Spindel.

Publicidade