Bernardinho não é mais técnico do Flamengo
Bernardinho não é mais técnico do Flamengo
Publicidade

CORREIO BRAZILIENSE: O vôlei brasileiro terá um “inimigo íntimo” no ciclo olímpico para os Jogos de Paris-2024. Segundo informações do diário esportivo L’Équipe confirmadas pelo jornalista Alexandre Oliveira, do SporTV, Bernardinho assumirá a seleção masculina da França. O Sesc-Flamengo, time comandado por ele na Superliga feminina, já teria sido comunicado da decisão. A assessoria do treinador ainda não confirma oficialmente o acerto com a esquadra europeia, mas as negociações vinham evoluindo nas últimas semanas.

Em entrevista ao portal Web Vôlei na semana passada, Bernardinho negou a negociação, mas, segundo o L’Équipe, Bernardinho estreará à frente da França no segundo semestre, na disputa do Campeonato Europeu. Será a primeira experiência de Bernardinho em uma seleção do exterior.

Publicidade

Bernardinho levará para a França a experiência vitoriosa à frente das esquadras masculina e feminina do Brasil. Em 15 anos no time masculino, acumulou 30 títulos, entre eles, as medalha de ouro em Atenas-2004 e Rio-2016. Ganhou também três títulos mundiais e oito edições da Liga Mundial. Pela trupe feminina, conquistou dois bronzes em Atlanta-1996 e Sydney-2000.

O atual comandante da França é Laurent Lille. Em 2015, a seleção conquistou a medalha de ouro no campeonato europeu. No mesmo ano, ganhou a Liga Mundial, no Brasil, e ganhou o bicampeonato na versão de 2017.

Publicidade