Atacante do Flamengo recebe duas propostas da China, mas diretoria descarta
Atacante do Flamengo recebe duas propostas da China, mas diretoria descarta

Se aparecer um bom negócio, o Flamengo não vai impor dificuldades para a saída de alguns atletas. A diretoria rubro-negra entende que vender determinados jogadores pode ser um facilitador para fazer dinheiro e aumentar o poderio de investimento no mercado.

Uma das peças de valor do atual elenco é o atacante Vitinho. No clube desde 2018, ele chegou com status de estrela, mas nunca foi uma unanimidade entre os torcedores. Terceiro reforço mais caro da história do Flamengo, ele ainda não rendeu o esperado com a camisa rubro-negra. Mas recebeu proposta de dois clubes chineses.

O portal ‘Torcedores’ apurou que o Shandong Luneng e o Tianjin Quanjian desejam o atacante por empréstimo. Apesar dos times asiáticos terem demonstrado interesse no jogador, a diretoria do Flamengo descartou a hipótese de negociar o atleta caso a proposta não esteja à altura do investimento feito pelo clube.

Internamente, há dirigentes que entendem que o clube não irá recuperar o dinheiro aplicado na contratação e que o melhor seria negociar o jogador em definitivo. Há dois anos, o Flamengo pagou R$ 44 milhões ao CSKA (RUS) para adquirir 100% dos direitos econômicos de Vitinho.

“O Flamengo não tem nenhum interesse em se desfazer de um jogador como Vitinho por empréstimo. Se houver uma proposta financeiramente boa, podemos avaliar. Mas, por enquanto, não há nada de oficial”, disse um dirigente do Flamengo, procurado pela reportagem.

Sob o comando de Jorge Jesus, Vitinho está na condição de reserva, passando longe de repetir o bom futebol apresentado em temporadas passadas. Caso nenhuma proposta agrade ao Flamengo, o jogador seguirá no clube para cumprir o contrato, que se encerra no fim da temporada 2022.

A contratação de Pedro Rocha movimentou e animou o Flamengo. O atacante cumpre a mesma função de Vitinho e a preferência do técnico Jorge Jesus é pelo jogador que pertence ao Spartak (RUS). Com isso, o português não teria problema em liberar o camisa 11 para outra equipe.

A relação entre Vitinho e o Mister é bastante próxima, mas existe um consenso entre os integrantes da comissão técnica que falta vibração ao atacante. Além disso, o atacante em nenhum momento demonstrou qualidade para brigar com Bruno Henrique pela titularidade no Flamengo.

Por outro lado, Miguel Góes, empresário do jogador está inquieto com o que reserva o futuro do atleta na equipe com o técnico português. O desejo de Vitnho, de 26 anos, é permanecer por mais um tempo no Flamengo, mas diante da procura de times da China, ele confidenciou a pessoas próximas que não descarta deixar o futebol brasileiro e se animou com a possibilidade de jogar novamente no exterior.

Em 80 jogos pelo Flamengo, Vitinho marcou 11 gols e em 2019 teve altos e baixos, chegando a ser vaiado em vários jogos, mas também aplaudido pelo torcedor rubro-negro. Nesse ínterim, ele integrou o elenco rubro-negro nas conquistas da Copa Libertadores da América, Campeonato Brasileiro, Carioca e Flórida C

A disputa por um lugar no ataque do Flamengo promete ser acirrada em 2020. Com a contratação de Pedro Rocha, a equipe ficou com nove opções para a posição. Além do ex-jogador do Cruzeiro, Bruno Henrique, Éverton Ribeiro, Orlando Berrío, Bill, Lincoln, Lucas Silva e Vitor Gabriel.

Retirado de: Torcedores