Antes refutada, cirurgia em Fabrício Bruno ganha força no Flamengo
Antes refutada, cirurgia em Fabrício Bruno ganha força no Flamengo
Publicidade

Por Venê Casagrande

Fabrício Bruno fez mais um exame de imagem na noite de ontem no dedo do pé para saber como está a lesão. O médico particular sugeriu a cirurgia há cerca de 15 dias, mas, na ocasião, o Departamento Médico do Flamengo optou por tratamento conservador. Porém, cada vez mais, a chance de operar aumenta.

Publicidade

Tanto o médico particular de Fabrício Bruno quanto o DM rubro-negro aguardam o resultado desse exame para se reunirem novamente e tomarem a decisão. Caso o atleta seja operado, ele ficará, ao menos, mais 3 meses parado.

Vale ressaltar que a lesão sofrida por Fabrício Bruno, no dia 30 de março, é rara no futebol. É uma contusão muito comum no futebol americano.

O Flamengo pretende se posicionar em breve sobre a situação do zagueiro.

Publicidade